Criando network em seu negócio

Criando network em seu negócio

Ter contatos profissionais estratégicos se tornou um diferencial em um mercado cada vez mais competitivo. Traduzir isso em uma única palavra é falar de network. O termo em inglês tem ganhado, cada vez mais espaço e, quando bem utilizado, é uma excelente ferramenta de marketing pessoal e profissional.

Antes associados apenas a eventos, o network hoje precisa fazer parte da rotina dos empreendedores. Pois, no dia a dia, para quem busca manter seu negócio em uma posição de destaque, precisa interagir com uma variedade de pessoas, como: fornecedores, investidores, funcionários, clientes, concorrentes. Essas interações são oportunidades de descobrir novidades no mercado, além de resultar em possíveis parcerias futuras.

Mas afinal, o que é network?

Mas afinal, o que exatamente é um network? Basicamente, o conceito de network consiste na estratégia de formar e aperfeiçoar sua rede de contatos, mantendo pessoas relevantes no seu entorno.

Provavelmente você já deve ter se encontrado em uma situação em que precisou pedir ajuda para um amigo, não é? Isso é muito comum!

Dessa forma, quando temos bons contatos, sabemos que podemos contar com eles para um favor. Além disso, essas pessoas também podem te pedir ajuda para alguma indicação, ou alguma outra dica.

Logo, o network estimula a troca de experiências e informações entre contatos, de modo a fortalecer essa rede. Ou seja, as relações profissionais criadas geram oportunidades de compartilhamento de interesses, informações e até formações de parcerias, gerando benefícios para ambos os lados.

Portanto, para obter reconhecimento como um bom profissional, é importante e talvez até essencial trabalhar seu networking. Entretanto, vale lembrar que não é bom manter uma relação próxima e forçada com o único objetivo de obter favores futuros.

O network busca manter uma relação saudável entre ambas as partes, que mantém um contato periódico e buscam se assistir mutuamente.

Importância e o poder da rede de relacionamentos

Marcar um happy hour, trocar mensagens ou áudios em aplicativos pode parecer supérfluo para a carreira, mas não é bem assim.

Apesar de trabalhar para empresas, pessoas se relacionam com pessoas e, portanto, quem aposta em network sai na frente no ambiente corporativo.

Para se ter uma ideia, pesquisa divulgada pela consultoria The Adler Group afirma que 85% das oportunidades de trabalho são preenchidas por meio de indicações da rede de contatos.

Quer otimizar e padronizar sua produção? Conheça nossa linha de formadoras JETFOOD Clique ao lado e inicie uma conversa com nossos consultores.

Como fazer Network?

O primeiro passo para trabalhar o network é enxergar a relevância dessas ações, que podem fazer a diferença para você e seus contatos.

Em seguida, identifique as pessoas interessante, que podem ser colegas antigos e atuais, amigos, conhecidos e até familiares capazes de agregar valor à sua rede.

Preste atenção, também, nas suas conexões em redes sociais dedicadas ao universo profissional, como o LinkedIn.

Outras opções para fazer network são:

  • Participar de eventos corporativos
  • Ativar seus contatos (contatos esses trocados em eventos, em parcerias através de redes sociais)
  • Crie conteúdos para que as pessoas se identifiquem e lembrem de seu negócio

 

Fazer network é fundamental para alavancar a vida profissional, pois aumenta o acesso a novos conhecimentos e oportunidades na carreira. Com essas informações é hora de colocar em prática tudo que você leu até aqui, seja em seu negócio ou em sua vida pessoal.

Ahh não se esqueça de ir em nossas redes sociais (@interlaser_maquinas) e contar o que mudou após aplicar o networking em seu dia a dia.

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *